Capacitação em Terapia Comunitária Integrativa

Investimento:
A definir
Datas:
A definir
Informação e Inscrição:
Poderá ser feito diretamente com o Instituto Nefesh em Maringá/Pr.
Whatsapp:
44-98804-1951 Alcides
Cronograma:
1º. Módulo 
2º. Módulo
3º. Módulo 
4º. Módulo 
5º. Módulo 
6º. Módulo 
Carga horária: 
240 horas, sendo:
180 horas/aula
60 horas/estágio
Horário:
08:30 às 12:30 das 14:00 às 18:00
Não incluso no valor: 
Alimentação, pouso e transporte.

Local do curso:
Instituto Nefesh
Rua Antonio Octávio Scramin, 1498
Maringá – Paraná
Categoria:

Descrição

Terapia Comunitária Integrativa – TCI
É um instrumento que permite construir redes sociais solidárias de promoção da vida e mobilização dos recursos e das competências dos indivíduos, famílias e comunidades. A TCI funciona como fomentadora da cidadania, restauradora da autoestima e da identidade cultural dos diversos contextos familiares, institucionais, sociais e comunitários. Favorece a promoção e prevenção da saúde e a reinserção social uma vez que propicia a expressão dos sofrimentos vivenciados nas várias dimensões da vida e que afetam diretamente a saúde das pessoas. A terapia comunitária integrativa é um exercício permanente de inclusão e valorização das diferenças. O Projeto objetiva capacitar os profissionais da atenção básica na metodologia da TCI para que possam utilizá-la em sua atuação nas comunidades e intervenções profissionais por receberem e contatarem com os problemas das populações. O levantamento realizado sobre o impacto da TCI demonstrou que 89 % dos participantes tiveram suas demandas atendidas nas práticas da terapia comunitária, não sendo necessário o encaminhamento para outras instâncias de atendimento. ¹Na saúde, a promoção na atenção básica, no nosso país será tão mais efetiva à medida que esteja pautada no princípio da responsabilidade compartilhada entre governo e sociedade. A proposta deste Projeto está em sintonia com este princípio, pois prevê a atuação em parceria entre o Governo do Estado/Secretaria da Saúde e a rede da Terapia Comunitária já atuante no país. A Terapia Comunitária Integrativa tem se revelado para os gestores de saúde e comunidade um instrumento de grande valor estratégico, uma preciosidade rumo à efetivação do Sistema Único de Saúde, respondendo dentro deste universo as importantes diretrizes como equidade e universalidade: grandes fontes de inclusão e cidadania.
Terapia Comunitária Integrativa – TCI
foi criada pelo Médico, Psiquiatra Dr. Adalberto Barreto, professor da UFM-CE. A TCI é um instrumento que nos permite redes sociais solidárias de promoção da vida, de inclusão, de mobilização dos recursos e competências dos indivíduos, das famílias e das comunidades. Sua intervenção é terapêutica quando valoriza a escuta, privilegia o saber e a competência de cada participante na roda, construídos pelas experiências de vida dos indivíduos, da família e da comunidade. Estimula o grupo a consolidar vínculos saudáveis e “empoderar-se”.
Objetivo:
Capacitar profissionais para o desenvolvimento da técnica em Terapia Comunitária Integrativa.
A Terapia Comunitária Integrativa possibilita: 
Lidar com suas crises familiares, prevenir a violência doméstica, o abandono social, a depressão coletiva, o sofrimento emocional, atuar nas comunidades e instituições, a partir do resgate da Unidade do Ser.
Aplicação dessas técnicas tem alcançado: 
Alivio de Stress e relaxamento mental e corporal;
Melhora na autoestima;
Reconhecimento e valorização de habilidades e capacidade minha e daquelas que lido no cotidiano;
Maior facilidade para ajudar as pessoas a sair do papel de vitima dos sofrimentos;
Despertando a coragem e a responsabilidade pelas mudanças na própria vida;
Facilitar os relacionamentos em grupo;
Respeito pela história de vida de cada um;
Favorecer a restauração de laços afetivos, redes.
Conteúdo programático: 
1 – Acolhimento – As bases teóricas da Terapia Comunitaria e desenvolvimento da TCI; 
2 – Pensamento sistêmico;
3 – Comunicação – A arte de perguntar;
4 – Resiliência – A importância do contexto na crise e heranças familiares;
5 – Pedagogia de Paulo Freire;
6 – Antropologia Cultural;
7 – Supervisão – Acolhimento, tirar dúvidas, treino, práticas da TCI, vivências terapêuticas;
8 – 30 sessões de prática de TCI.
Público alvo:
Terapeutas, profissionais da área da saúde, médicos, psicólogos, psiquiatras, enfermeiros, assistentes sociais, coaches, treinadores, professores e educadores em geral, lideranças religiosas e comunitárias, enfim todas as pessoas que tenham vontade de se ajudar e ajudar os outros.
  
Em decorrência de acontecimentos, oriundos de caso fortuito que venham a impossibilitar a realização do curso ou ausência de quórum mínimo, reserva-se o direito dos organizadores a remarcar as datas de realização do mesmo, como troca dos formadores ou cancelamento.